Produção Musical, Live Pa, DJ e VJ

traktor-e-twiiter juntos

Traktor incorporou o Twitter

Esse artigo não é sobre uma possível aquisição do Twitter pela Native Instruments, mas sim de como essa mídia social pode melhorar e muito a música eletrônica para sempre. Se você pensa que o Twitter só serve para avisar os amigos que você está assistindo um filme ou que vai em alguma balada você está […]

» Escrito por em 30.04.09.

traktor-e-twiiter juntos

Esse artigo não é sobre uma possível aquisição do Twitter pela Native Instruments, mas sim de como essa mídia social pode melhorar e muito a música eletrônica para sempre.

Se você pensa que o Twitter só serve para avisar os amigos que você está assistindo um filme ou que vai em alguma balada você está muito enganado.

Foi lançado recentemente um aplicativo para ser usado junto com a linguagem de programação Max/Msp, com ele é possível criar um som que pode ser enviado pelo Twiter. Como você só pode escrever 140 caracteres em cada mensagem o difícil é criar códigos curtos que gerem sons complexos. Com  o esperado lançamento do Max for Live essa função vai ficar acessível para um público maior.

Enviar um timbre ou som pode não ser muito animador para muitos produtores. Mas a Native Instruments (empresa que produz o Traktor) em parceria com Ritchie Hawtin, acabou de lançar um aplicativo que permite que enquanto a música esteja sendo tocada em uma festa ou clube informações, como o nome da música e autor sejam enviadas pelo Twitter (melhor que qualquer Midomi para descobrir qual é a música).

Quais são as implicação práticas disso:


-Clubbers e Ravers vão ficar grudados em seus telefones celulares para descobrirem qual música está sendo tocada;
-As músicas e artistas vão ganhar identidade (normalmente o Dj acaba levando a fama indevidamente);
-Maior facilidade para que um artista consiga rastrear se a sua música está sendo tocada por aí;
-Você da sua casa vai poder descobrir quais músicas estão fazendo sucesso;
-Transparência total, ninguém mais vai ter aquela música secreta (a não ser que tag da música seja mudada deliberadamente);
-Os Djs não vão mais ser incomodados no meio do seu set;
-As vendas de música devem aumentar;
-Listagem completa para a cobrança de direitos autorais (ECAD).

O Ecad para a música eletrônica nunca funcionou, muitos clubes e festas pagam fortunas mas o dinheiro nunca chega na mão dos produtores. Com a conexão entre Traktor e Twitter tudo pode ficar mais fácil.

Usando este tipo de ferramenta o Dj vai precisar desconstruir as músicas para manter um diferencial. Pois por exemplo você pode agora mesmo entrar o Twitter do Hawting e comprar boa parte das músicas no www.beatport.com mas isso não quer dizer que você vai soar como ele. Principalmente por que ele acaba tocando pedaços de e não músicas inteiras.

O que você acha desse tipo de aplicativo? Ele vai virar moda?

Fonte: CDM e Beatportal



Deixe seu comentário

  1. Excelente matéria ! Obrigada

  2. [...] meu ponto de vista começou a mudar no ano passado, quando o Ritchie lançou o aplicativo para o Traktor que permite que ele faça updates direto no Twitter, com as informaçõe…. Eu indico para quem quer conhecer mais sobre ele, a biografia dele em vídeo Slices – [...]

  3. Há pouco tempo atrás tive uma idéia para complementar a interface do Traktor para mostrar informações no time line da música.

    Após pesquisar na Internet, concluí que seria impossível desenvolver um plug-in pra fazer isso, pois, até onde entendi, o Traktor não possui uma arquitetura aberta que suporte plug-ins.
    É isso mesmo? Alguém tem alguma informação diferente dessa?

    Espero que num futuro próximo a Native Instruments desenvolva uma arquitetura de plug-in, bastante estável, pois isso sim seria uma revolução na vida dos DJs!

  4. [...] Palestra e Entrevistahighbytesrec em Palestra com EDX na AIMEC Curitiba – 06 de agostoZen em Traktor incorporou o TwitterPaul em Pense Nisso – Você realmente se diverte na noite?Dj PH em 8 Dicas para Melhorar o seu [...]

  5. Salve Ilan,

    A idéia é realmente boa, o conceito em si. Só tem que ver se vai pegar no fim das contas!

    Abs,
    SoundShiver